Frederico Vasconcelos

Interesse Público

 -

Repórter especial, trabalha na Folha desde 1985. No blog, reúne textos investigativos, aborda gastos públicos, política nacional e judiciário.

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

Ganhos dos juízes e equívocos a apurar

Por Frederico Vasconcelos

Do jornalista Carlos Alberto Sardenberg, em artigo sob o título “Quando deve ganhar um juiz?”, publicado nesta segunda-feira (13/2) no jornal “O Estado de S. Paulo“.

Essa é uma boa discussão – quanto deve ganhar um juiz no Brasil? – e a categoria deveria mesmo abrir publicamente o debate. Mas, em vez disso, o que se viu nos últimos anos? Uma atitude corporativa que inventa quebra-galhos, como esse do auxílio-moradia, para aumentar os vencimentos fazendo parecer que não se trata de aumento nem de vencimento. Tanto que, como admite Sartori [desembargador Ivan Sartori, presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo], os juízes recebiam os atrasados sem que isso constasse nos holerites. Segundo ele, deve ter sido um “equívoco administrativo”, mas foi necessário criar o Conselho Nacional de Justiça para que esses “equívocos” começassem a ser apurados. Já para Sartori, o problema apareceu quando a “imprensa começou a bater nos juízes”,com essa “história de que o Poder é uma caixa-preta”. Ocorre, porém, que foi só apartir daí que o público ficou sabendo dessas e de outras situações.

De todo modo, o desembargador Sartori tem uma boa atitude. Veio a público para o debate. Comecemos, pois.

Blogs da Folha

Categorias

Sites relacionados

Publicidade
Publicidade
Publicidade