Frederico Vasconcelos

Interesse Público

 -

Repórter especial, trabalha na Folha desde 1985. No blog, reúne textos investigativos, aborda gastos públicos, política nacional e judiciário.

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

‘Mandando intimar Deus e o mundo’

Por Frederico Vasconcelos

Sob o título “Vida e morte de um processo”, assim o site “Migalhas“, frequentado por advogados, noticiou nesta segunda-feira (27/2) os despachos do ministro Luiz Fux nos mandados de segurança em que associações de juízes acusam a Corregedoria Nacional de Justiça de quebra ilegal do sigilo de magistrados e servidores, fato revelado pela Folha:

O ministro Fux não atendeu ao pedido da AGU para submeter ao pleno, com urgência, a proposta de cassação da liminar do ministro Lewandowski, que suspendeu as inspeções do CNJ. Fux considerou que é preciso garantir ampla defesa às partes e ouvir o MP, antes da deliberação do plenário. E, para complicar ainda mais, “considerando que as investigações conduzidas pelo CNJ atingem milhares de servidores públicos de todas os ramos do Poder Judiciário brasileiro”, mandou intimar Deus e o mundo para “ingressar no feito na tutela dos interesses de seus assistidos”. Para bom entendedor, meia intimação basta.

Blogs da Folha

Categorias

Sites relacionados

Publicidade
Publicidade
Publicidade