Frederico Vasconcelos

Interesse Público

 -

Repórter especial, trabalha na Folha desde 1985. No blog, reúne textos investigativos, aborda gastos públicos, política nacional e judiciário.

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

Não é de semântica que se trata

Por Frederico Vasconcelos

Do editorial da Folha, nesta quinta-feira (22/3), sobre a afirmação do presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, Ivan Sartori, “de clara índole intimidatória”, de que moveria 354 ações se o jornal não se retratasse por ter usado o verbo “investigar” para descrever a ação do Conselho Nacional de Justiça naquela Corte:

(…)

O presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, confundindo talvez o renome da instituição que dirige com os interesses dos integrantes de sua cúpula, tem tomado as dores da ala da Justiça mais refratária ao escrutínio pelo CNJ e pela imprensa. Nessa visão distorcida, estaria em andamento uma campanha para “denegrir” o Tribunal de Justiça de São Paulo.

(…)

Se há maus juízes, os pares não devem protegê-los. São eles a prejudicar a reputação da Justiça, e não quem expõe suas mazelas perante o público.

Blogs da Folha

Categorias

Sites relacionados

Publicidade
Publicidade
Publicidade