Frederico Vasconcelos

Interesse Público

 -

Repórter especial, trabalha na Folha desde 1985. No blog, reúne textos investigativos, aborda gastos públicos, política nacional e judiciário.

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

Mensalão: dever de ofício, vitória maiúscula

Por Frederico Vasconcelos

Sob o título “O Defensor que dobrou o Supremo”, Débora Bergamasco, do jornal “O Estado de S. Paulo“, traça um rápido perfil do Defensor-geral da União, Haman Córdova.

Aos 37 anos, o ex-escrivão da Polícia Federal “fez o que nem o ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos conseguiu: convenceu os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal a desmembrar o processo e a mandar o caso de seu cliente, Carlos Alberto Quaglia, para ser julgado em primeira instância”.

Segundo relata a jornalista, Córdova foi surpreendido pelos cumprimentos da patota de “advogados com pedigree”, com quem o profissional com salário de R$ 16,6 mil líquidos nunca antes havia conversado.

“Houve surpresa porque, diante de um cenário com tantos advogados brilhantes e renomados, a Defensoria entrava meio que como um dever de ofício, mas foi justamente o nosso assistido que conseguiu obter uma vitória maiúscula, quando se esperava que esses profissionais renomados é que pudessem consegui-la”, comentou o Defensor.

Blogs da Folha

Categorias

Sites relacionados

Publicidade
Publicidade
Publicidade