Frederico Vasconcelos

Interesse Público

 -

Repórter especial, trabalha na Folha desde 1985. No blog, reúne textos investigativos, aborda gastos públicos, política nacional e judiciário.

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

Mensalão: dever de casa incompleto

Por Frederico Vasconcelos

No longo voto proferido no último dia 1/10, durante o julgamento da ação penal do mensalão, o ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, disse que “o cidadão tem o direito de exigir que o Estado seja dirigido por administradores íntegros, por legisladores probos e por juízes incorruptíveis”.

A propósito, Celso de Mello mencionou, durante os debates, uma ação penal que tramita no Superior Tribunal de Justiça contra o juiz Paulo Theotonio Costa, denunciado sob acusação de lavagem de dinheiro. O juiz se encontra afastado do TRF-3.

Tivesse o decano aprofundado mais a narrativa sobre a situação daquele magistrado, a sociedade saberia também que Theotonio Costa foi condenado pelo STJ em 2008 por corrupção passiva, com a perda do cargo, mas o Ministério Público Federal não consegue ver cumprida essa condenação, pois os recursos protelatórios no Supremo impedem a execução do acórdão.

Blogs da Folha

Categorias

Sites relacionados

Publicidade
Publicidade
Publicidade