Frederico Vasconcelos

Interesse Público

 -

Repórter especial, trabalha na Folha desde 1985. No blog, reúne textos investigativos, aborda gastos públicos, política nacional e judiciário.

PERFIL COMPLETO

Publicidade
Publicidade

As medalhas e o mérito de cada um

Por Frederico Vasconcelos

Durante o encontro do Colégio Permanente de Presidentes de Tribunais de Justiça, nesta segunda-feira (25/2), “representantes do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios entregaram ao presidente Joaquim Barbosa uma medalha de Ordem do Mérito do Judiciário do Distrito Federal e Territórios”, informa o Supremo Tribunal Federal em seu site.

Em nota divulgada na semana passada, o TJDF informou que o presidente do Supremo não pôde comparecer à “solenidade grandiosa” realizada na última quarta-feira. O tribunal distribuiu a homenagem a 150 personalidades.

O presidente do Senado Federal, Renan Calheiros, foi admitido na Ordem do Mérito neste ano. Joaquim Barbosa foi promovido, entre outros, com os senadores José Sarney e Romero Jucá Filho.

Os quatro receberam o Grão Colar, o grau mais alto da distinção honorífica.

Segundo a Resolução nº 10, de 13.9.1999, a Ordem foi instituída para agraciar “pessoas de conduta e reputação ilibadas, que se destacaram, ou venham se destacando, na contribuição em favor da cultura jurídica e na realização da Justiça no âmbito do Distrito Federal e Territórios”.

Blogs da Folha

Categorias

Sites relacionados

Publicidade
Publicidade
Publicidade