Ela Wiecko disputará lista tríplice da ANPR

Por Frederico Vasconcelos

Inscrições de interessados em concorrer ao cargo de Gurgel encerram-se nesta sexta

 

A eleição para formação de lista tríplice de candidatos ao cargo de Procurador-Geral da República recebeu mais uma inscrição nesta quinta-feira (14/3): a Subprocuradora-geral da República Ela Wiecko Wolkmer de Castilho fez seu registro na ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República).

As inscrições encerram-se nesta sexta-feira (15/3). Ela Wiecko disputará a indicação com os subprocuradores-gerais Rodrigo Janot, Deborah Duprat e Sandra Cureau.

Ela Wiecko exerceu a presidência da ANPR no biênio 1997-1999.

No final do mandato do procurador-geral Antonio Fernando de Souza, a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara enviou carta ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, defendendo a indicação de Ela Wiecko. Além da atuação da procuradora na defesa dos direitos humanos, argumentavam que sua indicação a tornaria a primeira mulher a assumir o cargo. O escolhido foi Roberto Gurgel, o mais votado na eleição da ANPR.

Ela Wiecko é Bacharel em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1971), Mestre em Direito Público pela Universidade Federal do Paraná (1986) e Doutora em Direito pela Universidade Federal de Santa Catarina (1996).

Ingressou no Ministério Público Federal em 1975, mediante concurso público. Como procuradora da República, atuou em Brasília, Curitiba e Florianópolis. Em 1992, foi promovida por merecimento a Subprocuradora-Geral da República.

Foi Coordenadora de Defesa dos Direitos Humanos e do Cidadão e Secretária-Adjunta da Secretaria de Defesa dos Interesses Individuais e Coletivos. Integrou a Delegação Brasileira à Conferência Mundial de Direitos Humanos e participou do Comitê Nacional de Preparação à IV Conferência Mundial sobre a Mulher.

Integrou a Comissão de Estudos do MPF sobre Combate ao Crime Organizado e à Violência e, no âmbito da Escola Superior do Ministério Público da União, a Subcomissão de Estudos sobre Cooperação Jurídica Internacional.