Juízes em peregrinação pelas diretas

Por Frederico Vasconcelos

Estimulados pelas eleições que se realizam no Ministério Público do Estado de São Paulo, neste sábado, juízes associados à Apamagis (Associação Paulista de Magistrados) percorrerão nos próximos dias os gabinetes dos desembargadores do Tribunal de Justiça de São Paulo para reforçar o pedido de eleições diretas.

“Nossa intenção é que se abra debate dentro do Tribunal pela causa das eleições diretas. Cedo ou tarde tenho convicção de que isso irá acontecer”, afirma o presidente da Apamagis, Jayme Martins de Oliveira Neto.

A Defensora Geral do Estado de São Paulo, Daniela Sollberger Cembranelli, manifestou apoio à causa defendida pela Apamagis.

No dia 31 de março, o presidente do TJ-SP, José Renato Nalini, afirmou que a pretensão dos juízes de primeira instância é legítima e declarou-se “simpático à ideia”.