TJ-SP programa uso racional da água

Por Frederico Vasconcelos

TJ-SP e consumo de água

A seguir, Comunicado do presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, José Renato Nalini, divulgado nesta sexta-feira (30) sobre a crise hídrica no Estado de São Paulo:

 

Prezados(as) magistrados(as) e servidores(as),

O Tribunal de Justiça de São Paulo, no momento em que a população passa por uma das piores crises hídricas dos últimos anos, empreende, em seus prédios, esforços para redução do consumo de água a fim de que não haja prejuízo ao cidadão, aos serviços de atendimento essenciais à população e ao horário de expediente.

Providências de uso racional da água estão sendo adotadas para instalação de anéis redutores de vazão de torneiras, intensificação de vistorias para localizar e sanar eventuais vazamentos em todos os edifícios, lançamento de campanha de comunicação interna sobre a importância do consumo consciente de água e implementação de programa interno de sustentabilidade.

Contando com a mobilização e colaboração de todos – imprescindíveis para resultados satisfatórios –, o TJSP também conclama seus Magistrados para apoio e intensificação das pautas virtuais e aumento da periodicidade das sessões de julgamento e seus Servidores para andarmos juntos nesse projeto. O Órgão Especial já deliberou pela realização de suas sessões a cada 15 dias.

José Renato Nalini
Presidente do Tribunal de Justiça