Quanto vale a palavra de Youssef?

Por Frederico Vasconcelos

“É espantoso que se continue a dar qualquer valor à palavra de Youssef”, diz a advogada Dora Cavalcanti, que defende a Odebrecht na Operação Lava Jato.

Uma das ironias da criminalidade é que, até a prisão de Alberto Youssef, muitas transações ilícitas milionárias devem ter sido feitas pelos empresários suspeitos com base na palavra dada pelo doleiro.

Afinal, corruptores e corruptos não costumam guardar recibos ou exigir comprovantes.