Visões distintas sobre as bengalas

Por Frederico Vasconcelos

De um magistrado gaúcho sobre comentário de um juiz paulista criticando a decisão do Tribunal de São Paulo quanto ao mandado de segurança relativo à PEC da Bengala, divulgado no post sob o título “Bengalas e silêncio nada republicanos“:

***

1. antes de mais nada – sou contra a ampliação da aposentadoria além dos 70 anos;

2. tenho 56 e pretendo me aposentar com 63, no máximo, para fazer outras coisa na minha vida. Logo, o que vou dizer não é motivado por nenhum interesse pessoal;

3. penso que, já que aprovaram a pec da bengala (infelizmente, aprovaram), não existe nenhuma razão jurídica consistente para não estender aos demais;

4. considero incompreensível a afirmação do juiz paulista no sentido de que “Isto sem dizer que a questão foi tratada jurisdicionalmente e não administrativamente.”

Ora, se foi interposto um mandado de segurança, a questão só poderia ser tratada jurisdicionalmente. Absurdo seria se fosse tratada administrativamente.