Janot: ação na Lava Jato é impessoal

Por Frederico Vasconcelos

PGR Corrupção não
Do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, sobre as críticas que vem recebendo e as tentativas de impedir sua recondução ao cargo: “Eu não procuro emprego. Eu tenho uma função pública que assumi por concurso público e a exerço há 31 anos.”

Segundo reportagem de Aguirre Talento, nesta terça-feira (26) na Folha, durante evento de lançamento de campanha de combate à corrupção, na Procuradoria-Geral da República [foto], Janot –ao referir-se à Operação Lava Jato– disse que a atuação do órgão é impessoal.

“Caso um não possa fazer, não se iludam, outro com muito mais razão e mais força o fará. Assim nos ordena a Constituição, a República, a democracia”, disse Janot.