Mãos à obra na Justiça Federal

Por Frederico Vasconcelos

O presidente do Conselho da Justiça Federal e do Superior Tribunal de Justiça, ministro Francisco Falcão, criou cinco grupos de trabalho com os seguintes objetivos:

– estabelecer diretrizes sobre a acessibilidade dos edifícios da Justiça Federal;
– estabelecer referenciais de custos para as obras da Justiça Federal;
– elaborar planejamento estratégico de edificações da Justiça Federal;
– estabelecer diretrizes para unificação da sinalização universal para os edifícios da Justiça Federal;
– estabelecer diretrizes para preservação ambiental e racionalização do consumo de energia elétrica nos edifícios da Justiça Federal.

Os grupos deverão concluir os trabalhos no prazo de um ano, apresentando propostas e minutas de manuais.