Gilberto Martins é homenageado

Por Frederico Vasconcelos

Ex-conselheiro do CNJ, promotor do Pará idealizou a meta de combate à corrupção e à improbidade.

O promotor de Justiça Gilberto Valente Martins, do Ministério Público do Estado do Pará, foi homenageado nesta quarta-feira (11) durante sessão ordinária do Conselho Nacional dos Procuradores Gerais de Justiça (CNPG), em Brasília.

O procurador-geral de Justiça do Estado do Pará, Marcos Antônio Ferreira das Neves, participou do evento.

A homenagem foi prestada pelos serviços prestados pelo promotor durante os dois mandatos como conselheiro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Martins foi quem idealizou a meta de combate à corrupção e à improbidade administrativa do Poder Judiciário, iniciativa considerada relevante para o Ministério Púbico e para a sociedade.

A meta foi fixada em novembro de 2012, durante encontro nacional que reuniu presidentes de 91 tribunais. Em junho daquele ano, o conselheiro coordenou o Seminário Nacional de Probidade Administrativa. Pesquisa realizada com os tribunais havia demonstrado que as ações nessa área não eram tratadas de forma eficiente pelo Judiciário.

“Se o Judiciário começar a julgar ações de improbidade e corrupção de forma mais eficiente, mais célere, a sociedade passará a confiar mais nas instituições políticas e na própria Justiça, que está dando uma resposta aos anseios da população”, afirmou na ocasião.