O futuro da Justiça em um resort

Por Frederico Vasconcelos

Corregedores nos lençóis
Ao recusar convite para participar de encontro de corregedores dos Tribunais de Justiça em um resort nos lençóis maranhenses, a corregedora nacional de Justiça, ministra Nancy Andrighi, segue os passos do antecessor, ministro Francisco Falcão.

Andrighi informou à desembargadora Nelma Sarney, presidente do Colégio dos Corregedores-Gerais, que considera inadequado o local do evento.

Em 2013, Falcão foi convidado pela escola da magistratura de Pernambuco a proferir uma palestra em encontro na ilha de Fernando de Noronha. Tema sugerido ao corregedor: “As restrições do CNJ a eventos com patrocínio”.

Falcão não aceitou o convite e recomendou cancelar o evento, que foi transferido para um hotel no Recife.

O evento do Maranhão sugere que os corregedores-gerais do país não aprenderam a lição com o episódio dos magistrados-professores de Pernambuco.