Janot prorroga apoio da tropa auxiliar

Por Frederico Vasconcelos

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, prorrogou por mais seis meses a portaria que designou o grupo de procuradores e promotores para auxiliá-lo na análise dos desdobramentos das investigações da Operação Lava Jato em trâmite no Supremo Tribunal Federal.

O grupo atua desde janeiro no gabinete de Janot, em Brasília. É formado pelos procuradores da República Douglas Fischer (coordenador), Vladimir Barros Aras, Andrey Borges de Mendonça, Bruno Freire de Carvalho Calabrich, Fabio Magrinelli Coimbra e Rodrigo Telles de Souza, além dos promotores de Justiça do Distrito Federal Sérgio Bruno Cabral Fernandes e Wilton Queiroz Lima.

Participam da força-tarefa em Curitiba os procuradores da República Januário Paludo, Carlos Fernando dos Santos Lima, Orlando Martello Júnior, Deltan Martinazzo Dallagnol, Andrey Borges de Mendonça e Diogo Castor de Mattos.