Terceira chapa concorre às eleições da AMB

Por Frederico Vasconcelos

Sob o título “A Magistratura Brasileira deve estar pronta para os novos tempos!“, o texto a seguir foi divulgado pela chapa “Magistrados Independentes“, que concorre à presidência da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros).

O grupo é liderado pelo juiz Michel Curi e Silva, candidato à sucessão do presidente João Ricardo Costa, e disputará as eleições em novembro com os candidatos Jayme Martins de Oliveira Neto, da chapa “AMB Forte Independente e Representativa“, e Gervásio Protásio dos Santos Júnior, da chapa “AMB de Magistrado para Magistrado”.

***

A era é das comunicações, onde todos tem veloz contato com todos (já há mais Smart Phones que habitantes no planeta ou estamos prestes a alcançar essa marca, quando uma criação humana pela primeira vez será capaz de tocar a todos imediatamente).

O pensamento nunca foi tão livre, mas necessário que seja ordenado, que uma classe se comunique entre si, reduzindo as diferenças, estudando e buscando nelas, ao mesmo tempo, o crescimento.

É necessário que não tenhamos na Magistratura ideologias político-partidários, como, pasmos, percebemos que pequenos grupos têm e tendem a dominar nossas associações (mas ao mesmo tempo não se preocupe, é pequena parcela)!

A ideologia que precisamos é só a da Classe coesa e orientada ao fim que a justifica (“poder-dever” de dizer o direito sem distinções), porque dela depende a segurança jurídica da Sociedade!

Temos muito trabalho na profissão, mais do que podemos humanamente dar conta com a estrutura de hoje, não é segredo nenhum (aqui temos o juiz mais produtivo do mundo e, paradoxalmente, a Justiça mais demorada)!

Necessitamos, pois, valorizar a Magistratura e a jurisdição, último baluarte dos honestos que tiverem direitos violados, em tempos também de Estado sendo assaltado por grupos, tanto quanto o cidadão nas ruas!

Como tudo deve começar de dentro, no estilo arrume e fortaleça a Casa antes, surgiu por imperativa necessidade a Chapa “Magistratura Independente” para disputar as eleições AMB – Associação dos Magistrados Brasileiros.

Sabemos, esta é única entidade que tem a finalidade de organizar tudo isso e até defender a Classe em juízo, bem como a Sociedade pela Ação Direta de Inconstitucionalidade-ADIN.

Conheça-nos no quadro a seguir, pois, vai se travar no início de novembro a luta do “Davi contra Golias” na principal associação de classe da Magistratura Brasileira e precisamos do apoio de todos os associados até hoje sem voz.

A seguir, a composição da chapa “Magistrados Independentes”:

***

PRESIDENTE
Michel Curi e Silva – AMAGIS (MG)

VICES
Alexandre Augusto Quintas – AMAJME (DF)
Arielson Ribeiro Lima – AMEPA (PA)
Edir Josias Silveira Beck – AMC (SC)
Eduardo Luiz Rocha Cubas – FILIAÇÃO DIRETA AMB/DF (DF)
Irineu Jorge Fava – APAMAGIS (SP)
Ludmila Lins Grilo – AMAGIS (MG)
Paulo Cesar Ribeiro Meireles – APAMAGIS (SP)
Robson Celeste Candelorio – AMAMSUL (MS)
Rogério Carlos Demarchi – AMC (SC)
Ronie Carlos Bento de Sousa – FILIAÇÃO DIRETA À AMB – GO (GO)
Walter da Silva – APAMAGIS (SP)

COORDENADORIAS
Luiz Gomes da Rocha Neto (Estadual) – AMEPE (PE)
Roberto Wanderley Nogueira (Federal) – FILIAÇÃO DIRETA À AMB – PE (PE)
Andrea Keust Bandeira de Melo (Trabalhista) – FILIAÇÃO DIRETA À AMB – PE (PE)
Jorge Luiz de Oliveira da Silva (Militar) – AMAJME (MS)
Eduardo Guimarães Pessôa (Aposentados) – AMAERJ (RJ)

CONSELHO FISCAL
Marcus Vinicius Garcia da Silva – AMAB (BA)
Paulinne Simões de Souza – AMAMSUL (MS)
Vinícius da Silva Pereira – AMAGIS (MG)