Fórum é alvo de atentado em Minas Gerais

Por Frederico Vasconcelos

 

A Associação dos Magistrados Mineiros (Amagis) divulgou nota em que repudia, com veemência, o ataque a tiros ao Fórum de São Lourenço (Sul de Minas) na madrugada desta segunda-feira (27).

“Mais do que uma ocorrência de violência, isolada ou orquestrada, o ataque é um atentado à Justiça e ao Estado de Direito e precisa ser exemplarmente coibido e punido sejam quais forem seus autores. Confiamos que a democracia, a legalidade e a ordem prevaleçam sobre a barbárie”, afirmou o presidente da entidade, desembargador Maurício Soares.

Além de seis disparos que destruíram vidraças e atravessaram o prédio, foi deixado um bilhete associando o ato a uma facção criminosa.