Defesa de Lula e agenda de Cármen Lúcia

Não parece crível a versão de que a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, tenha recusado pedido de audiência do advogado de Lula, Sepúlveda Pertence, para evitar “embargos auriculares” em defesa do ex-presidente. Além do respeito mútuo, a ministra mantém agenda pública e sempre atende advogados acompanhada de assessores, o que inibiria eventuais […]

Leia Mais